| Pantomnésia |

 

[ Retornar ]

 

 

 

 Além de sábio, o inconsciente não esquece nada. Outra faculdade inconsciente, comum a todo gênero humano, é a chamada pantomnésia, memória de tudo. Um jovem açougueiro, em um ataque de loucura, recitava velozmente paginas inteiras da "Fedra" de Racine. Curado da loucura, por mais esforços que fizesse, não conseguia recordar-se de um só verso. Declarou que ouvira unicamente uma vez, a leitura dessa tragédia, quando pequeno.

 Para saber até onde chega o poder mnemônico do inconsciente, um passo importante, sem duvida, é a comprovação de que nosso inconsciente nos recorda coisas que conhecemos quando nem possuíamos o uso da razão. Este fato se comprovou muitíssimas vezes.

 O dr Maury, por exemplo, conta que certa noite sonhou que era criança e vivia num povoado chamado Trilport. Ali, imaginou ver um homem uniformizado, que dizia chamar-se..."fulano de tal". Maury apreciava analisar seus sonhos. Ainda que não tivesse a menor idéia daquele homem, nem daquele povoado, onde pensava não ter nunca vivido, havia no sonho uma vaga sensação de "já visto". Passado algum tempo, se encontrou com a antiga ama seca. Ela lhe disse que, sendo ele muito pequeno, foram à mencionada localidade, onde o pai devia construir uma ponte, e que ali existia um policial com o mesmo nome que soubera através do sonho.

 Por meio da hipnose ou de associações, testes,drogas, etc, o psiquiatra poderá obter algumas vezes do inconsciente, recordações que o auxiliem na recuperação do paciente. O advogado poderá obter preciosos dados para a reconstrução dos fatos do seu cliente, etc. Pela hipnose, se chegou, às vezes, a bastante profundidade do arquivo inconsciente. Uma experiência quase de rotina é a comprovação da memória do inconsciente durante a hipnose.E conseqüentemente, a imaginação se exalta também, dando à linguagem dos pacientes um brilho e um colorido notáveis. A memória reproduz, com extraordinária precisão, cenas e pormenores que, em estado de vigília, estão completamente esquecidos ou jamais fixados.

 

Texto extraído do livro "O que é Parapsicologia"de Oscar G. Quevedo S.J.- Edições Loyola

 

 

 

 

 

______________

Copyright 2003 - Paróquia Divino Espírito Santo - Maceió/AL

http://www.divinoespiritosanto.cjb.net