| História da Parapsicologia |

[ Retornar ]

 

 

 A explicação dos fenômenos misteriosos sempre foi uma preocupação da humanidade. De um lado, encontramos as explicações supersticiosas que vão atribuir tais fenômenos ao sobrenatural (Demônios, fadas, espíritos de mortos, etc) ; por outro lado encontram-se aqueles que estudam cientificamente tais fenômenos; este último é o campo de estudo da Parapsicologia.

 Charles Richet, em 1905, introduziu a denominação de Metapsíquica ao estudo dos fenômenos misteriosos. Dividiu a história da Metapsíquica em quatro períodos. O primeiro período inicia-se com a própria humanidade e termina com Mesmer (1778): é o período mítico.O  segundo período é o magnético, que vai desde Mesmer até as primeiras manifestações espíritas das irmãs Fox (1847). O terceiro é o período espiritista: estende-se desde as irmãs Fox até Willian Crookes (1847-1870). Finalmente o quarto e último período seria o período cientifico, que se iniciou com Willian Crookes (em 1870) e se estende até a época atual.

 Em 1870, um químico de grande projeção, Willian Crookes publicou o resultado das observações feitas durante anos com as irmãs Fox e Daniel Dunglas Home. São as primeiras pesquisas sistemáticas com finalidade cientifica sobre os fenômenos do espiritismo moderno, embora como não podia deixar de ser, com muitas falhas, tratando-se de um campo novo e difícil.

 Em 1882, abalizados investigadores fundaram a Society for Phychical Research (Sociedade de Pesquisas Psíquicas) em Londres. Em breve surgiu uma filial com o nome nos Estados Unidos. No decorrer dos anos, em vários países surgiram sociedades semelhantes.

 O termo parapsicologia, ao que tudo indica, foi usado pela primeira vez por Max Dessoir em 1889, sendo Jules Bois, o principal popularizador do termo.

 No começo deste século, investigações universitárias foram feitas na Universidade de Stanford e Harvard. Em 1935, constituiu-se o primeiro laboratório de Parapsicologia na Universidade de Duke dirigido por J.B. Rhine.

 O reconhecimento da Parapsicologia como ciência data de 1953 no Congresso Internacional de Parapsicologia de Utrecht. Nessa mesma data e Universidade, surge a primeira Cátedra de Parapsicologia. Posteriormente, multiplicaram-se em várias Universidades e Países a disciplina de Parapsicologia.

 Finalizando, queremos corrigir um erro freqüente: a denominação Parapsicólogo se refere ao pesquisador de fenômenos parapsicológicos, e não ao ser humano que os produz (metagnomo, dotado, médium, etc).

autores : Jayme J. Roitman e Sérgio Gobetti - Núcleo de Estudos e Pesquisas do CLAP

 

 

______________

Copyright 2003 - Paróquia Divino Espírito Santo - Maceió/AL

http://www.divinoespiritosanto.cjb.net