| Domingo do Bom Pastor |

Página Inicial

18/05/03

MONS. PEDRO TEIXEIRA CAVALCANTE *

        O Domingo do Bom Pastor já passou. Foi o Domingo passado. Todavia, mesmo com atraso, vale a pena refletir sobre o sentido e a importância dessa data litúrgica.
        Anos atrás, esse Domingo do Bom Pastor era muito comemorado entre nós. No Seminário de então, a festa era grande e era dia de regalias com direito a brincadeiras e uma comidinha melhorada. Atualmente, com a azáfama do comércio de faturar com o dia das mães, quase ninguém pensa mais em celebrar o Domingo do Bom Pastor.
        O texto evangélico desse Domingo nos leva a meditar em Jesus, como o Bom Pastor, ou seja, como aquele que cuida de suas ovelhas com tanto amor e carinho que é capaz de dar sua vida por elas. Mas, também nos convida a refletir sobre o pastoreio do rebanho do Senhor nos tempos atuais e, máxime, na nossa Arquidiocese.
        Se Jesus é o Bom Pastor, ele deixou aqui na terra seus representantes. Na verdade, todos os cristãos são pastores; todos somos obrigados a conduzir o rebanho do Senhor para verdes pastagens; todos somos chamados a guiar as ovelhas de Jesus pelo verdadeiro caminho que é Ele mesmo, “caminho, verdade e vida” (Jo 14,6). Todavia, Deus convoca algumas pessoas, por mera misericórdia e condescendência de sua parte, para serem suss representantes diretos nesse pastoreio. Essas pessoas são os pastores consagrados. São os escolhidos e ordenados para dedicar suas vidas total e completamente a serviço do rebanho de Jesus.
        Nossa Arquidiocese está muito carente desses pastores consagrados. Temos, por enquanto, 52 paróquias e nem todas têm seus pastores residenciais e ainda precisamos de muitas outras paróquias. Nesta semana tivemos uma ordenação sacerdotal e só teremos outra no próximo semestre.
        Malta, país independente do Primeiro Mundo, é menor territorialmente do que a paróquia de Murici. Em Malta há três bispos e cerca de duzentos padres, enquanto a paróquia de Murici tem apenas um padre.
        Peçamos ao Bom Pastor que mande operários para sua messe, que é grande e tem poucos operários consagrados.


* É DOUTOR EM TEOLOGIA E VIGÁRIO-GERAL

Copyright  2003 -  Paróquia Divino Espírito Santo - Maceió/AL